Ilú Obá de Min, a armada feminista que busca justiça (também) no carnaval

“O patrono do Ilú é Xangô porque nós, mulheres negras e não-negras, clamamos por justiça, e esse é o orixá que a representa”. Beth Beli comanda um exército de 450 mulheres no Ilú Obá de Min. A batalha é a luta diária contra o racismo, o machismo e a homofobia. As armas? Alfaias, xequerês, djembes,…

Read More

Atrizes trocam serviços domésticos por leitura na periferia de SP

Imagina se a leitura pudesse ser a moeda de troca por um serviço? É isso que a Coletiva ELAS propõe no jogo performático Cuidando da casa.

Read More