#GMFIndica – Agenda de 07 a 13/06

Procurando o que fazer em São Paulo? O Guia Maria Firmina indica os melhores eventos protagonizados por mulheres. Vamos fortalecer a arte das mana? Vem cá ver o que separamos para esse final de semana:

7/6

Tapete Manifesto
A ação performática concebida e dirigida por Thaís Medeiros traz à cena uma reflexão sobre o tema da violência contra as mulheres, bem como a massificação e a vulgarização da morte nos dias atuais. Uma procissão simbólica, um manifesto poético cênico inspirado nos tapetes devoção (realizados nas festas religiosas de Corpus Christi), contra a trágica tradição de assassinatos de mulheres no Brasil.
Quando? 7/6. Sexta-feira, 19h
Onde? Sesc Pompeia | Rua Clélia, 93
Quanto? Grátis

Elba Ramalho
A cantora paraibana faz um show que promete esquentar as noites de frio desta época do ano e fazer todo mundo dançar juntinho. Comemorando seus 40 anos de carreira, Elba traz no repertório forrós clássicos de Gonzagão, Dominguinhos e Jackson do Pandeiro, que se misturam com a modernidade das composições de Arnaldo Antunes, Lenine e Lula Queiroga.
Quando? 7/6. Sexta-feira, 22h
Onde? Casa Natura Musical | Rua Artur de Azevedo, 2134
Quanto? R$50 a R$240. Ingressos aqui

Illy
O som de Illy é essencialmente de MPB e flerta com os mais diversos segmentos que o gênero pode englobar, principalmente o pop, o reggae e o samba. No repertório do show, apresenta músicas de seu primeiro álbum Voo longe, como Só eu e você, Afrouxa e Sombra da lua, além de releituras de Edson Gomes, Djavan e Magary Lord, Ângela Maria e do Ilê Aiyê.
Quando? 7/6. Sexta-feira, 21h
Onde? MIS | Avenida Europa, 158
Quanto? R$7 a R$14. Ingressos aqui

Estou sem silêncio
Sob a luz esverdeada dos refletores, quatro mulheres dançaram o que são considerados estereótipos do comportamento feminino, em uma cena do Espetáculo Céu na Boca (2009). Ali surgiu o desejo de descobrir quais seriam as camadas dessa cena aparentemente cômica e banal, criando uma nova coreografia na qual os mesmos quatro corpos de mulher são protagonistas no entendimento de suas imagens, conquistas e desejos.
Quando? 7/6. Sexta-feira, 21h
Onde? Sesc Pinheiros | Rua Paes Leme, 195
Quanto? R$7 a R$14. Ingressos aqui

8/6

A mulher no Tambor de Crioula, a mulher Mestra
A vivência fala da importância do feminino no Tambor de Crioula, festa/ritual de matriz afro-brasileira característica do estado do Maranhão. No encontro, Mestra Roxa mostra a participação das mulheres nessa manifestação e como é ser Mestra de Tambor de Crioula atualmente. Em 2007, o Tambor de Crioula foi registrado como Patrimônio Imaterial do Brasil pelo IPHAN.
Quando? 8/6. Sábado, 16h30
Onde? Sesc 24 de maio | Rua 24 de Maio, 109
Quanto? Grátis

9/6

Samba de Dandara convida Roberta Oliveira
Formado por mulheres, o grupo Samba de Dandara se inspira na guerreira mulher negra, que é referência histórica na luta contra a escravidão. O grupo levanta temas como a reflexão sobre o lugar da mulher no universo do samba, e questiona o machismo estrutural da sociedade em que vivemos.
Quando? 9/6. Domingo, 15h
Onde? Sesc Itaquera | Av. Fernando Espírito Santo Alves de Mattos, 1000
Quanto? Grátis

Ana Cañas
Show TODXS da cantora e compositora Ana Cañas. No repertório, canções autorais do disco recém-lançado TODXS (“Lambe-Lambe”, “Declaro My Love”- parceria com Arnaldo Antunes e Taciana Barros, “Tão Sua”, entre outras) e versões para “Tua Boca” (Itamar Assumpção), “Eu Amo Você” (Cassiano e Sílvio Rochael) e “Tijolo” (Posada). TODXS foi considerado pela crítica especializada e imprensa o melhor disco da carreira de Ana Cañas.
Quando? 9/6. Domingo, 19h
Onde? Blue Note São Paulo | Av Paulista, 2073
Quanto? R$40 a R$80. Ingressos aqui

Foto: Jennifer Glass
11/6

Mãe Coragem
Uma montagem que reúne novamente no teatro Bete Coelho e Daniela Thomas – parceiras de obras memoráveis –, além de um grande elenco. O espetáculo do autor alemão Bertolt Brecht (1898-1956) é um verdadeiro libelo contra a guerra e a violência que nos desumanizam, num momento em que essas questões voltam a nos assombrar aqui e por todo o mundo.
Quando? 11/6 a 21/7. Terça-feira a sábado, 20h30. Domingo, 18h30
Onde? Sesc Pompeia | Rua Clélia, 93
Quanto? R$12 a R$40. Ingressos aqui

Jadsa Castro
Jadsa tem 24 anos. Baiana de Salvador. Lançou o EP “Godê” (2015), produzido por ela em parceria com o selo Agricultura Celeste e o coletivo Tropical Selvagem. Com influências que passeiam pelo pop, rock e jazz, Jadsa se veste com referências da música brasileira do final dos anos 1960 e da década de 1970, sendo alguns dos expoentes Jards Macalé, Gal Costa, Caetano e Gil – além da vanguarda paulista de Itamar Assumpção e sua turma.
Quando? 11/6. Terça-feira, 21h
Onde? Mundo Pensante | Rua Treze de Maio, 830
Quanto? Gratuito

12/6

Rachell Luz canta Marisa Monte
Acompanhada dos músicos Jeff Pina no violão e guitarra, e Guga Machado na percussão, Rachell Luz homenageia Marisa Monte. Infinito Particular, Vilarejo, Na Estrada e Não Vá Embora são algumas das canções escolhidas para a apresentação especial.
Quando? 12/6. Quarta-feira, 20h
Onde? Blue Note São Paulo | Av Paulista, 2073
Quanto? R$35 a R$70. Ingressos aqui

13/6

Zanna
No novo show, a cantora, compositora e violonista apresenta músicas de seu último álbum “Zanna” (três indicações ao Grammy Latino: Melhor Álbum de Música Popular Brasileira, Melhor Álbum de Engenharia de Gravação e Produtor do Ano)
Quando? 13/6. Quinta-feira, 20h
Onde? Blue Note São Paulo | Av Paulista, 2073
Quanto? R$35 a R$90. Ingressos aqui